Corpo Feminino - as suas fases e a dificuldade no peso

O corpo da mulher passa por diversos processos ao longo da vida, o que faz com que se encontre sempre em mudança:

 

  • Ciclo menstrual (ocorre durante a idade fértil da mulher e vem acompanhado pela  sensação de cansaço e fadiga, retenção de líquidos e sintomas como depressão e ansiedade);

  • Gravidez e amamentação;

  • Pré-menopausa e menopausa.

 

O ciclo menstrual, as alterações hormonais e a menopausa levam a mudanças na fisiologia da mulher que se traduzem numa variação na composição corporal, o que pode significar um aumento de peso indesejado.

 

O papel da gordura no corpo feminino

 

O papel da mulher na reprodução humana faz com que a percentagem de gordura seja superior à dos homens (perto de 15%). Quando as mulheres entram na fase da menopausa, as alterações hormonais fazem com que se acumule mais gordura na região abdominal. As mulheres têm assim menor predisposição à perda de gordura e a perda no tronco superior é maior do que no inferior.

 

Fases do ciclo menstrual

 

Existem diversas fases no ciclo menstrual e cada uma delas mexe com o corpo da mulher de forma diferente. 

 

Fase folicular (primeira fase) - ocorre um aumento progressivo dos estrogénios assim como da sensibilidade à insulina, o que leva a uma maior tolerância aos carboidratos. Nesta fase o apetite fica mais controlado.

 

Fase de ovulação - os desejos característicos do ciclo menstrual ainda não aparecem, mas começam a ocorrer aumentos significativos no apetite (por exemplo por doces). Há uma tolerância menor aos carboidratos (por essa razão o seu consumo deve ser moderado). Esta fase está associada a uma maior força física e muscular.

 

Fase lútea ou pré-menstruação (segunda fase) - é aqui que a retenção de líquidos começa a ser mais acentuada, coincidindo com o menor pico de estrogénio, a sensibilidade à insulina cai, sendo a fase em que há menor tolerância aos carboidratos. Existe uma predisposição maior para o armazenamento de gordura é por isso recomendado reduzir a ingestão de carboidratos e aumentar a ingestão de gorduras.

 

Os dias mais próximos à menstruação são os mais difíceis a nível psicológico para manter a dieta à risca. Suplementos de cálcio e magnésio podem ajudar nesse sentido.

 

O que acontece quando a mulher chega à menopausa

 

A menopausa costuma ocorrer entre os 45 e 55 anos (é importante saber que cada corpo é um corpo e a idade pode alterar). É neste momento que ocorre a interrupção definitiva do ciclo menstrual e marca o fim da idade fértil. Os sintomas mais característicos da menopausa são:

 

  • Baixo nível de estrogénio o que leva à diminuição da massa muscular e óssea e aumento da gordura corporal;

  • O corpo passa a gastar mais energia do que antes quando se encontra em repouso;

  • Predisposição para aumentar o colesterol e triglicéridos;

  • Aumenta a tendência para consumir doces;

  • Afrontamentos;

  • Insónias;

  • Retenção de líquidos;

  • Alterações a nível psicológico.

 

O aumento de peso durante a fase menstrual é normal por consequência de inchaço e retenção de líquidos, mas é algo que passando essa fase volta ao normal. Já o aumento de peso que ocorre na fase da menopausa pode ser mais complicado de controlar, por ser uma fase demorada e que pode provocar sintomas que fiquem para o resto da vida. Um estilo de vida saudável pode ser o segredo para ajudar a manter o peso que deseja. 

 

Manter uma alimentação equilibrada e praticar exercício fisico todos os dias (um caminhada é aceitável), assim como cuidar da sua saúde mental é essencial para aumentar a sua qualidade de vida.